Dúvidas?

Fluxograma de Transportes Funerários Aéreos e Terrestres

Fluxograma de Transportes Funerários Aéreos e Terrestres

PRINCIPAIS DÚVIDAS SOBRE TRANSPORTE FUNERÁRIO


COTAÇÃO ON LINE

Perguntas e respostas

1Fretamento de Taxi Aéreo funerário?
O GRUPO SANTOS mantém uma parceria com 3 empresas de taxi aéreo funerário para traslados onde aviões comerciais não pousam. São vários modelos de aviões com capacidade para ate 9 pessoas e com possibilidade de pouso em pista de ate mil metros, os taxis aéreos funerários podem suprir essa necessidade de urgência em casos de óbitos. São aviões adaptados para levar o óbito junto com algum familiar. Ligue e solicite um orçamento para a sua cidade que deseja transportar. 0800 728 5060. Essa e a modalidade de transporte mais rápida em se tratando de transporte de “esquife”, pois assim que e acionado, o máximo que se leva e menos de duas horas para estar no hangar. Lembramos que em São Paulo, os embarques são no campo de marte ou na cidade de Jundiaí. Nas outras cidades, usa se os aeroportos principais ou pistas homologadas.
2O Que Fazer em Caso de Falecimento
Em caso de morte, o responsável deverá procurar uma funerária de sua confiança, com os documentos pessoais do falecido (RG, CPF, Certidão de Nascimento ou Casamento, etc.). É importante verificar se o falecido possui um Plano de Assistência Funeral. Morte Natural Na residência: Se o falecido tem assistência médica, a família deverá procurar o médico para assinar a declaração de óbito; Se o falecido não tem assistência médica, procure uma funerária de sua confiança para a remoção do corpo para o SVO (Serviço de Verificação de Óbito). No hospital: A família deverá procurar o Serviço Social do hospital para receber a declaração de óbito; Se os médicos não chegarem a uma conclusão exata da causa da morte, procure uma funerária de sua confiança para a remoção do corpo para o SVO; Sempre que o falecido tiver que ser encaminhado para o SVO, terá que ser acompanhado de um familiar com o grau de parentesco o mais próximo possível levando também a certidão de nascimento ou certidão de casamento ou a identidade do falecido e também a identidade do acompanhante; O SVO só fará o exame no cadáver no mínimo após seis horas do falecimento. Morte Violenta É considerada morte violenta qualquer tipo de acidente de trânsito, homicídio, suicídio, queda, afogamento, incêndio, explosões, atropelamento por trem, etc. Nestes casos só quem pode assinar a declaração de óbito são os médicos do IML (Instituto Médico Legal). Se a vítima for encaminhada para qualquer hospital e chegar a falecer, o médico do hospital não poderá assinar a declaração de óbito e fará um encaminhamento para o IML ou ITEP. A família terá que procurar a delegacia de polícia mais próxima do acidente e pedir ao delegado ou escrivão de polícia a Solicitação do Laudo de Exame Cadavérico; De posse deste documento fornecido na delegacia, um familiar com grau de parentesco o mais próximo possível terá que ter em mãos a Certidão de Nascimento ou Certidão de Casamento, a identidade do falecido, sua identidade e o encaminhamento do hospital. Esse documentos deverão ser entregue ao IML , onde a família deverá solicitar a remoção do cadáver para realização a autópsia; Se a vítima falecer no local do acidente ou no hospital, só o IML poderão fazer o translado do local do falecimento para as dependências deste órgão; O IML funciona todos os dias em qualquer horário. Documentos para o Registro de Óbito (original e cópia) Declaração de Óbito; Certidão de Nascimento (se solteiro); Certidão de Casamento (se casado); Certidão de Casamento e Certidão de Óbito do Cônjuge (se viúvo); Certidão de Casamento com averbação (se divorciado ou separado judicialmente); Carteira de Identidade; CPF; Título de eleitor ou comprovante de votação ou certidão do TRE; Número do benefício e número da Espécie (se aposentado ou pensionista do INSS).
3Qual e o Procedimento em Caso de Traslado de Corpo em SP?
Sempre pesquise os trabalhos funerários a ser executado, pois existem pacotes fechados para traslados aéreos e também existe só a parte funerária, cabendo a família pagar o embarque do corpo. Para executar um transporte funerário em são Paulo, basta apenas ligar para uma funerária e cotar preços, o restante a mesma ira cuido.

perguntas e respostas

1Como e Feito o Aéreo Comercial?
O GRUPO SANTOS mantém uma parceria com 3 empresas de taxi aéreo funerário para traslados onde aviões comerciais não pousam. São vários modelos de aviões com capacidade para ate 9 pessoas e com possibilidade de pouso em pista de ate mil metros, os taxis aéreos funerários podem suprir essa necessidade de urgência em casos de óbitos. São aviões adaptados para levar o óbito junto com algum familiar. Ligue e solicite um orçamento para a sua cidade que deseja transportar. 0800 728 5060. Essa e a modalidade de transporte mais rápida em se tratando de transporte de “esquife”, pois assim que e acionado, o máximo que se leva e menos de duas horas para estar no hangar. Lembramos que em São Paulo, os embarques são no campo de marte ou na cidade de Jundiaí. Nas outras cidades, usa se os aeroportos principais ou pistas homologadas.
2Qual e o Procedimento em Caso de Traslado de Corpo em SP?
O transporte funerário na cidade de são Paulo e aberto a qualquer empresa funerária, ou seja, a família tem opção de escolher qualquer empresa. Sempre pesquise os trabalhos funerários a ser executado, pois existem pacotes fechados para traslados aéreos e também existe só a parte funerária, cabendo a família pagar o embarque do corpo. Para executar um transporte funerário em são Paulo, basta apenas ligar para uma funerária e cotar preços, o restante a mesma ira cuido.
Falar com um agente
Precisa de ajuda?
Chame Aqui Para Um Orçamento Rápido.
Powered by